Mensagem

Estamos de volta!

 

Depois de um longo recesso, voltamos para conversar sobre “COVID 19 – Onde está Deus?”, a nova série que vem aí, e um gostoso e revitalizador estudo no Evangelho de Marcos.

 

Mas enquanto eles não chegam, tomamos a liberdade de legendar um curto e precioso vídeo do Dr. David Jeremiah, um homem de Deus que abençoou minha vida (Pr. Eros) quando o estava interpretando num congresso na virada do século e ele proferiu a seguinte frase: “O homem de Deus, que vive no centro da vontade de Deus, é literalmente imortal até que Deus tenha terminado de lidar com ele”.

 

Essa frase, embora resumo do ensino que encontramos na Bíblia, revolucionou minha perspectiva de vida e morte, e posso dizer que dali em diante, minha vida não foi mais a mesma.

 

Aliás, essa frase se aplica bem aos momentos que estamos enfrentando, se você a entende bem: A expressão “homem de Deus” é genérica e se refere a todo aquele que já recebeu o presente da vida eterna ao confiar em Cristo como Senhor e Salvador. “Viver no centro da vontade de Deus” aponta para uma vida vivida na intimidade com o Senhor Jesus Cristo. “É literalmente imortal até que Deus tenha terminado de lidar com ele” diz respeito a termos a certeza que Ele nos promoverá à morada celestial que Jesus foi nos preparar (João 14.1-3) no momento em que a Ele isso aprouver.

 

Aliás, ao pensarmos na atual pandemia, muitos se perguntam o que vem depois. Há os que predizem que “jamais seremos os mesmos”, que “a vida nunca voltará ao normal”, e tal pessimismo quanto ao impacto da pandemia é tão ruim quanto a própria pandemia. Então, o que dizer aos “profetas da desgraça”, com relação à vida pós-pandemia? A resposta está no vídeo. Bom proveito!

 

Nova Mensagem